I Love Paris - Maysa

Ne me quitte pas - Maysa

Maysa

A novata Larissa Maciel revive a cantora e compositora Maysa na minissérie "Maysa - Quando Fala O Coração", da Rede Globo. Escrita por Manoel Carlos, a produção faz um mergulho na biografia da artista, relembrando conflitos, amores, sucessos e excessos da menina de família de classe média, que sempre gostou de cantar, casou cedo, aos 18 anos, com um homem 20 anos mais velho, e, rapidamente, se transformou em musa do rádio com suas canções tristes, mas cheias de vida.


Larissa Maciel (à esquerda), transformada por Fernando Torquatto, e Maysa: semelhança

A gaúcha Larissa foi escolhida entre mais de 200 atrizes para viver a cantora na TV e durante oito meses se entregou a um minucioso processo de construção da personagem. "Foi um trabalho muito meticuloso, cuidadoso e profundo", garante a atriz. O detalhismo se justifica: a minissérie é dirigida por Jayme Monjardim, filho único da cantora.

A história mostra a trajetória da cantora e compositora dos 15 aos 40 anos de idade. "Acho que os brasileiros vão se surpreender com esse retrato de Maysa, cuja história passou 31 anos adormecida", diz a atriz.

Biografia

Nascida em São Paulo numa tradicional família do Espírito Santo, Maysa Figueira Monjardim Matarazzo (São Paulo, SP, 6 de junho de 1936 – Niterói, RJ, 22 de janeiro de 1977) passou a infância no bairro de Botafogo, no Rio de Janeiro, brincando de roda e jogando futebol com as crianças da vizinhança.

Alguns anos depois a família transferiu-se para Bauru, no interior paulista. Logo depois, mudaram-se novamente para a capital.

Desde a adolescência já gostava de cantar em festas familiares, compor algumas músicas (aos 12 anos compôs o samba-canção "Adeus”), além de tocar piano.

Maysa estudou nos tradicionais colégios paulistanos Assunção, Sacre Coeur de Marie e Ofélia Fonseca.

Casou-se aos dezoito anos com o empresário André Matarazzo, 20 anos mais velho e membro da tradicional família Matarazzo; da união nasceu Jayme Monjardim, diretor de telenovelas e cinema, que foi criado pela avó e, posteriormente, num colégio interno na Espanha.

Em 1956 conheceu o produtor Roberto Corte-Real que, encantado com a sua voz, quis contratá-la imediatamente para gravar um disco. A cantora gravou então o primeiro disco, intitulado “Convite para ouvir Maysa”, lançado em 20 de novembro de 1956 pela gravadora RGE.

Depois de dois anos de casamento, Maysa e André Matarazzo, que se opunha à carreira artística da esposa, se separaram. O fim do casamento abalou profundamente a cantora, levando-a à depressão. A partir dessa época, começou a ter problemas com a bebida e a se envolver em casos amorosos explorados pela mídia.

Passou a cantar no João Sebastião Bar, no bairro da Consolação, e a apresentar o programa Encontro com Maysa, na TV Record (Canal 7), em São Paulo. Mudou-se para o Rio de Janeiro, onde passou a se relacionar com a turma da Bossa Nova, com quem pôde expandir referências musicais. Excursionou ao lado do pianista Pedrinho Mattar, lotando casas de espetáculos em todo o País.

Alheia a comentários da sociedade paulistana e carioca, seguiu adiante com seu sucesso e amores. Colecionou namorados e discos de ouro, assim como polêmicas.

Para a filósofa Viviane Mosé, Maysa foi realmente uma mulher à frente de seu tempo. “Ela é o tipo de pessoa que transborda em intensidade e influencia toda a sociedade onde vive”, afirma.

O legado de Maysa, ainda que aponte para dívidas históricas com a bossa, é o de uma cantora de voz mais arrastada do que as intérpretes da bossa e por isso aproxima-se antes do bolero.

Excursionou pela América Latina, passando diversas vezes por Buenos Aires e Montevidéu. Apresentou-se em Paris, Lisboa, Luanda e várias cidades do mundo.

O uso de álcool e moderadores de apetite deixavam seu temperamento instável. Supõe-se que o efeito de anfetaminas teria provocado o trágico acidente automobilístico na Ponte Rio-Niterói que encerrou a carreira e o brilho da estrela, que foi um dos maiores mitos da música brasileira.

"Uma mulher de personalidade, sem medo de seguir seus sonhos e símbolo de uma época cheia de mudanças. Assim pode ser definida Maysa. "

UOL Televisão; Viviane Mosé, Nós - Fora dos Eixos. Globo Comunicação e Participações S.A



Links

Agenda

Em cartaz Cinema

Em cartaz Teatro

Matérias: Live Earth | Disco Classics | Earth, Wind & Fire | Os Fofos Encenam | Laços do Olhar | Rock in Rio | Kool ang Gang | Lenda do Jazz no Brasil | Elizabeth Jobim - Endless Lines | Diana Krall no Brasil | Shows Novembro | Chaka Khan e Branford Marsalis | Gagaku, Bugaku e Shomyo | Cantata no Jockey | Shows 2009 | Madonna no Brasil | Maysa | Elton John | Grammy 2009 | Brit Awards | Simply Red no Brasil | Paul e Michael com ingressos esgotados | Radiohead | Prêmio internacional de fotografia: Sony World Photography | Hot List | A procura de um olhar | Burt Bacharach | Shows Abril 2009 | Virada Cultural 2009 | Oasis no Brasil | Terminator Salvation | FAM 2009 | Iggy Pop lança Preliminaries | Grande Álbuns - Michael Jackson | Festival de Inverno de Campos do Jordão 2009 | Shows 2º Semestre 2009 | Grandes Álbuns II | Dinossauros da música eletrônica ressurgem em 2009 | Festival de Cinema Veneza 2009 | Álbuns Clássicos do Jazz | Flashback Mr Groove | Festival Planeta Terra | Donna Summer | Grammy 2010 | Programação Verão 2010 | Brit Awards 2010 | Oscar 2010 | Valleys of Neptune | Albuns - Lançamentos 2009 / 2010 | Nelly Furtado no Brasil | Documentário Loki | Matérias Novas

Destaques: A volta do Queen | Babyshambles | Cantoras Brasileiras | Cena Eletronica | Clocks | Corinne Bailey | Dig Out Your Soul | Escola do Pop Rock | Horace Silver | Im Takt der Zeit | Keane | Jamie Cullum | John Legend | Julliete & The Licks | Kantata Takwa | Led Zeppelin | Madeleine Peyroux | Michael Jackson - Thriller 25 | Little Boots | Miriam Makeba | Mostra de Arte / Casais | Musicians and Machines | Nara e Fernanda | Nonsense | Oscar Peterson | Paul McCartney | Piaf - Um hino ao amor | Prokofiev | Regentes | Rotciv | Stay | Studio 54 | Yo-Yo Ma | The Heist Series | The Verve - Forth | Vanessa da Mata | Demis Roussos & Aphrodite's Child | Tommy avec The Who | Villa Lobos, Brisa Vesperal

Voltar para página inicial