Entitulada como a “Turnê de 25 Anos do The Who”, apresentava um grupo diferente. Pete ficou com o violão enquanto outro guitarrista tocava em seu lugar e para a bateria contrataram Simon Phillips. Voltaram a tocar Tommy pela primeira vez desde 1970 e a turnê teve seu clímax em Los Angeles com um concerto de estrelas apresentando Elton John, Phil Collins e Billy Idol, entre outros.

Depois disso, a banda novamente desapareceria. Mas Tommy não. Pete re-escreveu o trabalho com o diretor de teatro americano Des McAnuff, transformando-o em um musical que incorporava muitos elementos da biografia de Pete. "The Who´s Tommy" estréia na Broadway em 23 de abril de 1993. Os críticos adoram, dando a Pete um prêmio Tony nos Estados Unidos e um Laurence Olivier na Inglaterra.