Em 1968, Warwick recebeu seu primeiro Grammy, sendo a primeira afro-americana de sua geração a ganhar o prêmio de Melhor Voz Feminina Contemporânea. A música responsável pela honraria foi "Do You Know the Way to San Jose?".

Em 1970, Dionne recebeu seu segundo Grammy com o disco "I’ll Never Fall in Love Again", de novo com várias composições de Burt. Nessa década lançou 12 álbuns, todos gravados com os mais conceituados produtores como Thom Bell. Três anos depois, a artista americana iniciou a turnê "A Man and a Woman", uma parceria com Isaac Hayes que fez sucesso no mundo todo.

No ano de 1976, Dionne graduou-se como mestre de música pela Faculdade Hartt. Foi neste ano também que ela conseguiu o disco de platina, com o LP "Dionne", que contém regravações como a clássica "Déjà Vu".