Em 1956, ninguém falava em Bossa Nova, mas o apartamento onde morava Nara Leão, no Edifício Palácio Champs Elysée, em frente ao Posto 4, já era ponto de reunião de uma turma de Copacabana: Carlos Lyra, Roberto Menescal, Ronaldo Boscoli e outros.

Em 1957, João Gilberto chegou ao Rio e, certa noite, foi à casa de Roberto Menescal, na Galeria do mesmo nome, em Copacabana.

- Tem um violão aí ? Eu sou o João Gilberto. Podíamos tocar alguma coisa. Menescal, surpreso com "aquela figura esquisita", mandou-o entrar. Já ouvira falar num "baiano meio louco, genial, afinadíssimo," que às vezes aparecia no Plaza, na Rua Princesa Isabel.


Reunião da Bossa Nova no apartamento de Nara Leão, no Rio. Com Menescal ao violão, Bebeto na flauta, Dori Caymmi e Chico Feitosa